Se você está interessado em baixar algum álbum postado a partir de 2015, entre em contato por e-mail: prolasdorock@yahoo.com ou deixe seu contato nos comentários (este não será visível publicamente), e o link será enviado o mais breve possível!


Mais informações aqui: http://goo.gl/ra9cdp


-------------


If you are interested in downloading any posted album from 2015, contact by email: prolasdorock@yahoo.com or let your email in comments (this will not be visible publicly) and the link will be sent as soon as possible!


More info here: http://goo.gl/ra9cdp

domingo, 15 de setembro de 2013

BLUES ROCK - SID RUMPO - First Offense - 1974


Sid Rumpo foi uma banda australiana formada em Perth, em 1971, e, infelizmente, teve pouco tempo de atividade, lançando apenas um disco em 1974 e acabando no mesmo ano. Tiveram na sua formação Mick Elliot. Mick é um talentoso guitarrista de blues-rock conhecido por participar de vários outros grupos do país como Smiths Levi Clefs, Jim Keays' Southern Cross e Western Flyer.
First Offense traz um ótimo blues rock, com momentos mais boogie e também influenciado pelo southern rock americano, principalmente o Allman Brothers. O instrumental é, no geral, muito bom, mas os riffs pesados e o "feeling" dos guitarristas Elliot and Rob Searls merecem destaque, o piano também dá um "charme" a mais para o som. A voz rasgada de Robert também não fica devendo. No geral, um disco muito sólido, ótimo do começo ao fim.
Uma ótima pérola, altamente recomendada para fãs de blues e boogie rock, mesmo não sendo um dos melhores e mais conhecidos da Austrália.
Link

Info & Reviews: Rock On Vinyl / Venenos do Rock

Mick Elliot (guitarra, vocal)
Robert "Rob" Searls (guitarra, vocal)
Ken Wallace (piano, percussão)
Noel Herridge (bateria, percussão)
Owen Hughes (baixo)
John Hood (guitarra)

1. Spotlight - 5:56
2. Breakin' My Back - 4:14
3. Spider Curry - 1:43
4. Sailing - 8:31
5. The Riddle - 5:14
6. Don't Bug Me Boogie - 3:59
7. Song With No Trees - 8:13
8. Poor Man's Orange - 2:00


Ao Vivo:

Nenhum comentário:

Postar um comentário