Se você está interessado em baixar algum álbum postado a partir de 2015, entre em contato por e-mail: prolasdorock@yahoo.com ou deixe seu contato nos comentários (este não será visível publicamente), e o link será enviado o mais breve possível!


Mais informações aqui: http://goo.gl/ra9cdp


-------------


If you are interested in downloading any posted album from 2015, contact by email: prolasdorock@yahoo.com or let your email in comments (this will not be visible publicly) and the link will be sent as soon as possible!


More info here: http://goo.gl/ra9cdp

quarta-feira, 30 de setembro de 2015

PROG/ PSYCH ROCK - IT FLEW AWAY - Pull Out All The Stops - 2007 (1972)



Pérola vinda da Austrália, formada em meados de 1971 na cidade de Melbourne. O grupo It Flew Away teve curto período de duração, tocando em universidades e pequenos festivais (comuns na época), chegando a gravar músicas para um álbum em 72, que por dificuldades financeiras não foi lançado na época. Com estes problemas e brigas internas a banda se desfez no ano seguinte; apenas em 1987 as gravações foram recuperadas e lançadas em LP duplo, mas limitado a 250 cópias! Em 2007 o disco ganhou uma remasterização em CD.
Pull Out All The Stops (também chamado de "Lounge Room Tapes" na versão mais recente), conta com 11 faixas. A primeira canção "On My Way Home", de 6 minutos, dá uma prévia clara do que ouvimos em seguida: mistura típica na época de rock progressivo e psicodélico, em uma linha longe da comercial, com longos jams instrumentais dominados por solos viajantes de órgão e guitarra estontante, acompanhado por competente bateria e baixo. O vocal de Barend não fica atrás, rasgado e marcante. Quanto as faixas, o destaque vai para as mais longas "Good Times", "Aimless Pasture", "Open Spaces" e "Pull Out All the Stops Mother", chegando quase aos 16 minutos, apesar de ser um trabalho sólido.
Ótima descoberta para fãs de prog e psych rock dos anos 70, recomendado!

The group "It Flew Away" is from Australia, formed in mid 1971 in the city of Melbourne. During their short period of activities was short-lived, playing at universities and small festivals, even recording songs for an album in 72, which due to financial difficulty was not released at the time. With these problems the band broke up in the following year; Only in 1987 these old recordings were recovered and released into 2xLP, but limited to 250 copies! In 2007 the album won a remastering CD.
Pull Out All The Stops (also called "Lounge Room Tapes" in the first version), features 11 tracks. The first song "On My Way Home", 6 minutes, gives a clear preview of what we heard next: typical mix of progressive and psychedelic rock in a  non-commercial line, with long instrumental jams dominated by trip organ and amazing guitar, accompanied by competent drums and bass. As for the tracks, the highlight are the longest "Good Times", "Aimless Pasture", "Pull Out All the Stops Mother" and "Open Spaces", despite being a solid work.
Great discovery for fans of prog and psych rock of the 70s, recommended!

Ian Clarke (órgão)
Barend du Preez (baixo, vocal, harmônica)
John Reid (guitarra)
Shane Cleary (bateria)

01 On My Way Home 5:54
02 Good Times 9:16
03 Raggin'MyBin 2:44
04 Aimless Pasture 7:09
05 Candy Meets The Vibrator 2:52
06 Mighty Harvest (Take 1) 5:05
07 Beach 6:03
08 Crab Apple Jelly Jam 3:15
09 Watch Out 4:37
10 Open Spaces 6:21
11 Pull Out All The Stops Mother 15:23



5 comentários:

  1. Se você está interessado em baixar o álbum postado, entre em contato por e-mail: prolasdorock@yahoo.com e este será enviado o mais breve possível!

    -----

    If you are interested in downloading the posted album, contact by email: prolasdorock@yahoo.com and it will be sent as soon as possible!

    ResponderExcluir
  2. E aí, galera, tudo na mais perfeita desordem?
    Depois de anos de hibernação, resolvi reativar o Plano Z, dessa vez com uma proposta um pouco diferente, meio que mixando o que eu fazia n’O Pântano Elétrico com a natureza mais light do PZ, ou seja, continuarei postando discos pra galera baixar, mas a postagem deverá ter um texto mais curto e direto do que eu costumava escrever lá no Pântano. Também pretendo não focar somente nos discos, postando o que der veneta, seja lá o que isso significa... rsrs
    Sendo assim, então, aqui está o convite para um passeio pelo Plano Z, para conferir as novas postagens. A gente se esbarra por lá.
    Grande abraço!
    Valeu!
    PS: foi mal pela mensagem genérica... Tô te devendo umas visitas, se prepare pra me mandar uma lista enoooorme de links!!! rsrsrsrs
    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  3. Fala Marcello, tava sumido rsrs
    Legal ver a sua volta ao mundo dos blogs, já estou adicionando o Plano Z a minha lista de parceiros. Se precisar se algum link já sabe o endereço!
    Abraços!

    ResponderExcluir